O que é e como funciona a coleta seletiva?

Tenda, Postado em 20 de outubro de 2021 | 3 min de leitura
Crédito da imagem: Lorem ipsum dolor sit amet

Sabemos que o mundo está passando por problemas ambientais graves, como o desmatamento e o aquecimento global. Uma forma simples, prática e útil de amenizar questões do meio ambiente e ainda colaborar com a natureza é realizar a coleta seletiva. Mas você sabe o que é a prática e como ela funciona? 

Pode não parecer, mas com simples tarefas, você pode ajudar diretamente a natureza. As dicas do Tenda vão te ajudar a fazer a divisão do lixo e te mostrar porque a realização desse exercício beneficia o meio ambiente e a sustentabilidade. Acompanhe a leitura para saber mais.

O que é a coleta seletiva?

A coleta seletiva é um sistema de recolhimento de resíduos que conta com uma classificação prévia de acordo com a origem do material. Cada material recebe uma cor que indica sua natureza, como vidro, plástico, metal ou papel.

Todo o lixo descartado por empresas, escolas ou até mesmo nas nossas casas pode ser separado. Além disso, existe a possibilidade de separação de resíduos por hospitais e usinas nucleares, mas seus entulhos terão um destino diferente dos demais descartes públicos e privados. 

Ao recolher o material separado por meio da coleta seletiva de lixo, os resíduos são divididos entre aqueles que podem ser reaproveitados ou orgânicos. Para ser classificado como orgânico, os restos devem ser compostos por materiais que não podem ser reaproveitados, como resto de frutas, verduras e demais alimentos.

Esse tipo de material é imediatamente descartado nos aterros sanitários, um lugar onde eles podem ser decompostos sem problemas e sem causar danos à natureza e ao meio ambiente. Mas existem pessoas que evitam descartar orgânicos para fabricar adubos naturais — processo que recebe o nome de compostagem. 

O que é a reciclagem?

Agora que você sabe um pouco mais sobre o que é coleta seletiva, entender o que é a reciclagem vai aumentar a sua compreensão sobre a importância de dar uma solução melhor ao lixo que você produz, seja em casa ou no trabalho. 

Coleta seletiva e reciclagem são conceitos que andam de mãos dadas. A reciclagem é a melhor solução para o lixo, pois é responsável por reduzir a sobrecarga dos depósitos de resíduos, como lixões ou aterros sanitários. Tudo isso por meio de um princípio simples de redução, reutilização e reaproveitamento. 

coleta seletiva

Cores da coleta seletiva

Como dito anteriormente, os resíduos são separados em latas de lixo com cores diferentes, sendo que cada uma das cores indica a natureza dos restos depositados ali, sendo uma forma muito ágil de colaborar com a sustentabilidade ambiental. 

Descubra agora quais são as cores das lixeiras da coleta seletiva: as cores mais comuns para as lixeiras ou lixões que colaboram com separação são nos tons azuis, verdes, amarelos e vermelhos, e cada uma contém uma indicação do que deve ser descartado ali. 

Nos lixos verdes devem ser descartados vidros, tais como garrafas, potes de alimentos, perfumes, frascos de remédios, entre outros. O vidro é um tipo de material que pode voltar a ser utilizado diversas vezes, um dos que mais podem ser reaproveitados pela sociedade. 

Nos lixos vermelhos são depositados os plásticos, como garrafas PET (como a que é usada na embalagem de refrigerantes), tampas, embalagens, sacos de lixo, entre outros. Nas amarelas são depositados metais, como latas de aço e de alumínio. Finalizando, nas lixeiras azuis são descartados papéis ou papelões. 

Também existem outras lixeiras que podem ser sinalizadas para receber resíduos, como marrom (resíduos orgânicos), preto (madeira), roxo (resíduos radioativos), laranja (resíduos perigosos), branco (resíduos ambulatoriais ou lixo hospitalar) ou cinza (resíduos contaminados).

A importância da coleta seletiva

Uma forma adequada de descartar o lixo de forma ecológica e amigável ao meio ambiente, existem muitos benefícios em realizar a separação do lixo. Além disso, há uma grande importância em colocar a prática em ação na sua cidade.

A coleta seletiva evita a poluição do solo e das águas, muitas vezes atingidas pela sobrecarga dos aterros sanitários ou alvo de despejo de resíduos por parte de empresas. A intenção de separar os resíduos e reciclá-los é essencial para o desenvolvimento sustentável da Terra.

Além disso, o processo é responsável por espalhar a mensagem de consciência ambiental pelos lugares, evita o desperdício de recursos naturais que não podem ser reaproveitados por qualquer finalidade, consegue promover a reciclagem e melhora a economia nacional. 

A economia é impactada diretamente graças à coleta seletiva, pois consegue gerar mais empregos, diminui os custos de produção de fábricas e indústria, produz comercializáveis que podem ser (re)vendidos, entre outros. 

O Tenda Atacado pode te ajudar a ser mais ecologicamente sustentável 

Sabemos que colocar algumas atividades sustentáveis em prática não é fácil. Contudo, o Tenda Atacado possui diversos produtos que podem contribuir com a sustentabilidade do meio ambiente, como sacos plásticos reutilizáveis ou lâmpadas em LED. O melhor é que você pode adquirir seus produtos sem sair de casa!

Compartilhe nas suas redes

Tenda Atacado - CNPJ 01.157.555/0011-86
Endeço: Rua Professor João Cavalheiro Salém. nº 365
CEP 07243-580 / Guarulhos - SP