Como melhorar a ergonomia no trabalho? Confira as dicas que ajudarão a produtividade

Tenda, Postado em 29 de novembro de 2021 | 3 min de leitura

É importante pensar sobre como melhorar a ergonomia no trabalho para proporcionar conforto e bem-estar àqueles que trabalham em longas jornadas em frente ao computador. Faz parte disso identificar os riscos que a falta de uma estrutura adequada no ambiente de trabalho causa aos trabalhadores e corrigir esses problemas.

O objetivo da ergonomia é diminuir as consequências que prejudicam a saúde mental e física do trabalhador, trazendo como sintomas: irritação, estresse, fadiga, afastamento do ambiente de trabalho devido a lesões e tantos outros problemas.

O que é ergonomia e quais são os tipos existentes?

O conceito de ergonomia está associado à relação entre o ser humano e o ambiente de trabalho. É uma forma de desenvolver práticas benéficas, observando alguns aspectos essenciais do ambiente, para as atividades do cotidiano se desempenharem sem riscos à saúde mental e física dos colaboradores.

A ausência de uma ergonomia no trabalho adequada pode causar um contexto de desconforto ao funcionário que opera, minimizando as chances de ele realizar as tarefas com a eficiência da qual é capaz.

Essa otimização do ambiente de trabalho não tem a ver somente com cadeiras, mesas ou até mesmo iluminação, mas trata de tudo que causa incômodo, ocasionado baixa produtividade e possíveis afastamentos. Veja abaixo os tipos de ergonomia no trabalho:

Ergonomia física

A ergonomia física compreende desde a qualidade e a disponibilidade dos equipamentos utilizados até as condições de temperatura e ventilação no ambiente, objetivando melhor conforto no trabalho.

Esse tipo de ergonomia ainda inclui a compreensão de todos os aspectos que visam preservar a integridade da postura e das articulações dos funcionários. Também age na prevenção de estruturas físicas que tragam comprometimentos relacionados à atividade profissional ao colaborador.

Ergonomia cognitiva

A palavra “cognitivo” está atrelada a processos mentais de percepção e raciocínio. No caso da ergonomia cognitiva, ela avalia quais são funções mentais exigidas para a execução das tarefas pertinentes ao ambiente e como melhorar a ergonomia no trabalho.

Para entender se as tarefas executadas pelo colaborador o estão sobrecarregando e como melhorar a ergonomia no trabalho, são avaliados quatro pontos: raciocínio, coordenação motora, percepção e capacidade de memorização.

A importância da ergonomia cognitiva é o olhar responsável que as empresas devem ter com os próprios profissionais, a fim de resguardar a saúde deles, tanto física quanto mental. Isso proporciona maior bem-estar ao ambiente de trabalho.

Ergonomia organizacional

Esse tipo de ergonomia engloba toda a relação de organização em que o trabalhador está inserido, ou seja, busca melhorar todos os processos por meio de boas práticas para preservá-lo de riscos à saúde.

Para isso, como método avaliativo de prevenção, considera-se: turnos de trabalho, metas e produção, quantidade de colaboradores por quantidade de tarefas. Isso evita a sobrecarga e a ausência ou não de orientação quanto à segurança do trabalho.

Todos esses pontos de atenção impactam diretamente a carga mental, emocional e até mesmo física do trabalhador, por isso a ergonomia organizacional é tão importante dentro das empresas. Essa alta relevância do assunto, inclusive, estabeleceu parâmetros dentro da Consolidação das Leis de Trabalho (CLT). 

como melhorar a ergonomia no trabalho

Conheça a NR17

A NR17 é a norma regulamentadora que trata da ergonomia e a define como: “parâmetros que permitam a adaptação das condições de trabalho às características psicofisiológicas dos trabalhadores, de modo a proporcionar um máximo de conforto, segurança e desempenho eficiente”.

O rendimento de profissionais em condições inadequadas é praticamente zero e pode acarretar doenças físicas e quadros como ansiedade. A NR17 se preocupa em garantir um melhor ambiente geral para o trabalhador, bem como o bem-estar dele.

Alguns pontos de que a NR17 trata são: organização do trabalho, mobílias e equipamentos, condições ambientais (como temperatura, ruído e ventilação) entre outros aspectos que guiam os empregadores sobre como melhorar a ergonomia no trabalho.

Adote mudanças para ter uma ergonomia eficiente na rotina de trabalho

Algumas mudanças podem ser adotadas para melhorar tanto a ergonomia no trabalho home office quanto dentro das empresas. Também há importantes hábitos na rotina que todos podemos adotar fora do ambiente corporativo em prol do bem-estar.

Faça um planejamento

Todo ambiente de trabalho equipado adequadamente, com mesa, cadeira, temperatura, iluminação, favorece a segurança no trabalho. Isso reduz as chances de desconforto e permite que trabalhadores se concentrem melhor nas tarefas. 

Organize o ambiente

Organize o ambiente não somente no sentido literal da frase, mas também observe se há indício de ruídos excessivos, que podem afetar o trabalhador psicologicamente. Outros fatores, como a alta demanda de tarefas para poucos funcionários, entram na lista de itens a corrigir na melhor relação entre empregador e empregado.

Criação de comitê

Ninguém é melhor para descrever as condições de trabalho que o colaborador. Ouça-o! Além de fortalecer a relação, pode haver uma troca de informações mais fluida e benéfica para todos, melhorando tudo sobre ergonomia no trabalho.

Para implementar um comitê, é necessário haver a eleição dos membros responsáveis, preferencialmente uma pessoa de cada setor. A partir disso, são adotadas diretrizes que objetivam o diálogo, como treinamentos, palestras e workshops.  A vantagem é manter um ambiente de trabalho mais colaborativo.

Incentive os colaboradores

Seja por meio de atividades físicas, como caminhadas e andar de bicicleta, seja por benefícios, como acesso a academias e exercícios laborais, as empresas têm um papel fundamental enquanto organização de conscientizar os colaboradores sobre a importância de minimizar os impactos causados pelo sedentarismo.

É preciso desenvolver programas e ações internamente nas empresas que promovam o bem-estar e tragam informações aos colaboradores. Incentivos a grupos de corridas e caminhadas ou esportes fora do ambiente profissional são importantes práticas para a integração da equipe. 

Ofereça pausas entre uma atividade e outra! Sabemos como o cotidiano tem exigido e comprometido a nossa saúde mental. Desse modo, é essencial que saibamos a hora de parar, recuperar as energias e voltar com um desempenho mais eficiente ao posto de trabalho.

O Tenda Atacado ajuda você a saber como melhorar a ergonomia no trabalho

Seguindo tudo que dispõe a NR17, as recomendações de especialistas e até mesmo as dicas que trouxemos neste post, a relação entre o ser humano e o ambiente de trabalho se torna mais sadia. Isso traz melhores resultados dentro das organizações e colaboradores mais satisfeitos.

Agora que você já viu as nossas dicas e descobriu todos os benefícios da ergonomia no ambiente de trabalho, acesse o nosso blog e veja mais dicas nos artigos sobre bem-estar para levar uma vida melhor!

Compartilhe nas suas redes

Tenda Atacado - CNPJ 01.157.555/0011-86
Endeço: Rua Professor João Cavalheiro Salém. nº 365
CEP 07243-580 / Guarulhos - SP